Casamento durante o dia ou à noite?

Não sabe se vai fazer um casamento durante o dia ou à noite? Confira nossas dicas!

Tão difícil quanto decidir o local e a data, é escolher quando realizar o casamento: de manhã, à tarde ou à noite. O horário pode ser um fator decisivo na escolha de diversos outros itens do casamento (e da festa!). Àqueles casais que ainda estão em dúvida sobre o horário, não entrem em pânico, nós te damos uma ajudinha.

Casamento durante a noiteFoto: Divulgação/Google

Casamento durante o dia

As cerimônias e recepções com início marcado entre as 10h e as 17h são o que nós chamamos de “casamento durante o dia”. Esse tipo de casamento costuma ser mais procurado por casais que não estejam tão preocupados em realizar uma grande festa de recepção, mas é um erro pensar que, só pelo casamento ser durante o dia, a diversão será menor.

Por quê fazer um casamento de dia?

Custo

De modo geral, os custos de um casamento durante o dia costumam ser menores, não só pelo estilo da cerimônia e da festa, mas também porque vocês podem poupar em diversos aspectos.

Durante o dia, as chances de se fazer um casamento todo ao ar livre são mais altas, o que diminui custos com a locação (podendo a cerimônia e recepção serem realizadas no mesmo local), deslocamento, decoração (podendo aproveitar as paisagens naturais), estrutura (não são necessários equipamentos de iluminação, por exemplo). O tipo de buffet a ser servido também pode ter um grande impacto no orçamento, seja para aumentar, seja para diminuir os valores gastos.

Casamento durante o diaFoto: True Photography Weddings

Iluminação e fotografia

Grande parte dos fotógrafos fica feliz quando o casal opta for realizar um casamento durante o dia. Acontece que a luz do dia é muito melhor para ser trabalhada nos registros, tanto nas fotos quanto nos vídeos, deixando tudo ainda mais bonito.

Além disso, como já foi dito, é comum haver menos gastos (ou nenhum!) com estrutura de iluminação.

Casamento durante o diaFoto: Dev Khalsa Photography

Casamento ao ar livre

A grande maioria dos casamentos ao ar livre é realizada durante o dia e não é à toa. Em primeiro lugar, é comum que esse tipo de casamento tenha um estilo diferente, mais descontraído, sem perder o romantismo. Depois, o dia possibilita o aproveitamento da luz solar (e da paisagem) para a decoração e fotografias.

Casamento durante o diaFoto: Weddings Italy

O que pode atrapalhar?

O dia vai começar cedo

Vocês precisam conhecer bem seus convidados, os profissionais que querem contratar e a disponibilidade deles e o ânimo de vocês. Um casamento durante o dia – e quanto mais cedo, mais problemático – requer que as pessoas acordem cedo e comecem a se preparar (e isso é ainda pior para os noivos). Se vocês forem pessoas diurnas, não será um problema, mas os grandes amantes da noite podem ficar bem desmotivados.

Do mesmo modo, casamentos em que grande parte dos convidados são mais velhos, ou com um grande número de crianças pequenas, se beneficiam de um casamento diurno, com a grande maioria dos convidados não estando cansados ou precisando ir para casa.

Uma dica para aqueles que pretendem fazer o casamento em um local afastado é que a grande maioria das pessoas se sente mais segura dirigindo durante o dia, ou seja: o deslocamento não seria uma desculpa muito utilizada para justificar as ausências.

Casamento durante o diaFoto: Divulgação/Google

Os dias são mais quentes

Dependendo da época do ano e de onde o casamento durante o dia será realizado, é importante pensar no clima. Independente da estação, o período diurno costuma ser mais quente do que o noturno. Em épocas como o verão, ou em regiões de extrema seca, isso pode ser um inconveniente para vocês e seus convidados.

Casamento à noite

Por quê fazer um casamento à noite?

Tempo, tempo, tempo

Quanto mais tarde for realizado o casamento, mais tempo os noivos terão para se preparar, relaxar e, até mesmo, resolver possíveis problemas de última hora. Ao contrário de um casamento durante o dia, quando falamos de tempo, um casamento noturno traz um cronograma muito mais flexível, com o dia todo (ou parte dele) para realizar qualquer atividade que seja necessária.

Festa!!!

Esse é um ponto controverso. Há quem acredite que uma festa de casamento, daquelas bem tradicionais, com pista de dança, DJ e muita bagunça só pode ser realizada à noite. Besteira! A única coisa que influencia no sucesso de uma festa é o estilo dos convidados e do casal.

As pessoas costumam se sentir mais confortáveis para consumir bebidas alcoólicas no período da noite, e isso pode influenciar diretamente na animação (principalmente daqueles convidados mais tímidos).

Casamento durante a noiteFoto: True Photography Weddings

Mais formalidade

Se vocês desejam realizar um casamento black tie, com vestidos longos e gravatas, esse é o momento. Eventos durante o dia possibilitam um ambiente mais descontraído, enquanto os eventos noturnos costumam ser mais formais.

É óbvio que quem vai ditar o estilo do casamento e dizer aos convidados como deveriam se vestir, são vocês, mas não adianta querer que seus convidados se vistam com trajes de banho no meio do inverno, ou que eles usem casacos de couro no meio do verão carioca.

Casamento durante a noiteFoto: Matt Davis Photography

Temperatura agradável

Ao contrário do que foi dito sobre casamento durante o dia, a temperatura costuma ser um fator positivo para a escolha de um casamento noturno. Com o clima mais ameno (principalmente em algumas estações do ano), o risco de causar incômodo aos convidados é bem mais baixo do que em uma situação de calor extremo.

O que pode atrapalhar?

Casamento ao ar livre

O número de casamentos noturnos realizados ao ar livre é bastante baixa, isso porque um dos principais motivadores para a realização de um casamento ao ar livre são as paisagens, itens que ficariam ofuscados pela iluminação necessária para que todos pudessem aproveitar todos os detalhes (e isso inclui desde seus parentes mais novos aos seus avós, que podem ter dificuldades de locomoção e visão, por exemplo).

Para aqueles que ainda se interessaram por realizar o casamento ao ar livre, é importante lembrar que durante a noite a chance de insetos (e outros animais) aparecerem para atrapalhar a festa e incomodar os convidados são ainda maiores. É bom criar uma estratégia para isso (pode ser incluir repelente no kit toalete, ou montar uma estrutura com proteção onde os convidados estarão).

Casamento durante a noiteFoto: Capturing Moments Photography Blog 

Limite de horas

O maior problema dos casamentos à noite é que, em geral, os buffets e/ou casas de festas possuem um horário de encerramento dos serviços. Pode ser que, para o tipo de celebração escolhida por vocês, não sejam necessárias muitas horas de festa, mas se vocês fazem parte de uma turma animada, que gosta de dançar e fazer bagunça por muitas e muitas horas, o horário limite pode ser uma complicação (e vocês precisam ficar atentos, pois os contatos especificam os valores para as horas extras de serviço, e elas costumam ser bem altas).

Casamento Preta Gil e Rodrigo Godoy

O casamento Preta Gil e Rodrigo Godoy finalmente aconteceu e, na última noite, só se falava dele! Com a mídia em cima e as redes sociais bombando, as noivas de plantão puderam acompanhar em detalhes o desenrolar do casamento com maior publicidade do ano, que, de tão badalado, até reality show ganhou (foram 12 episódios que você pode assistir clicando aqui).

Casamento Preta Gil e Rodrigo Godoy - InfográficoInfográfico do Casamento Preta Gil e Rodrigo Godoy

Quer saber o que rolou? Bem, prepare-se para uma chuva de números expressivos. Foram 12 horas de festa, com 700 convidados, 56 padrinhos (28 casais, 14 da noiva e 14 do noivo), uma orquestra com 16 vozes, 200 mil reais gastos em flores (entre elas, 7 mil rosas brancas e 4 mil pétalas de orquídeas), 14 lustres de cristal Baccarat, 27 pratos servidos por 115 garçons, 400 garrafas de Veuve Clicquot, 2400 docinhos, 8 andares de bolo red velvet com recheio de framboesa e chocolate branco e 1 food truck servindo acarajé.

Segundo a revista Veja, se você fosse reproduzir um casamento semelhante ao de Preta e Godoy, desembolsaria algo em torno de 2 milhões de reais. Alguns consideram o casamento Preta Gil e Rodrigo Godoy uma ostentação descabida. Outros defendem o sonho da noiva e são só elogios para o bom gosto e o estilo clássico do casamento. E você? O que acha disso tudo?

9 Plaquinhas para casamento mais vendidas da Quem Casa Quer

plaquinhaSeja para decorar ou para divertir, as plaquinhas para casamento já são itens quase indispensáveis. Para ajudar aqueles casais que ainda estão em dúvida sobre qual modelo escolher e como utilizar, a Quem Casa Quer fez um ranking das plaquinhas mais vendidas.

Plaquinhas para Casamento

1. Placas para foto – Internet

Em tempos de selfies, hashtags e postagens, as plaquinhas para casamento divertidas, com tema “Internet” são sucesso instantâneo. Elas podem ficar expostas em um lugar próprio para os convidados tirarem fotos, principalmente se o casamento contar com algum tipo de cabine de fotos, ou espalhadas pelas mesas dos convidados.

Para comprar o kit, com 4 plaquinhas, é só clicar aqui.

Plaquinhas para Casamento

2. Placas para foto – Convidados

O kit de plaquinhas para casamento “Convidados” traz quatro itens que imitam balõezinhos de fala, como em histórias em quadrinhos. Cada plaquinha tem uma frase para tornar as fotos ainda mais divertidas. Assim como as plaquinhas “Internet”, elas podem ser espalhadas pela festa ou expostas em um local específico.

Para comprar o kit, com 4 plaquinhas, é só clicar aqui.

Plaquinhas para Casamento

3. Placas para foto – Amigos do Noivo

Os amigos do noivo também adoram fazer uma bagunça e as plaquinhas de foto Amigos do Noivo, costumam ser muito procuradas – especialmente por conta do tema “bebedeira”. São quatro plaquinhas divertidas para casamento, para animar as fotos e os convidados.

Para comprar o kit, com 4 plaquinhas, é só clicar aqui.

Plaquinhas para Casamento

4. Plaquinha “Reservado”

Já falamos sobre a importância de reservar a mesa dos noivos (ainda não leu? clique aqui) e as noivas entenderam o recado. As plaquinhas de reservado podem ser encomendadas em uma das 10 linhas diferentes, presentes na Quem Casa Quer, podendo criar um padrão com os demais produtos do casamento.

Para comprar o par de plaquinhas, clique aqui.

Plaquinhas para Casamento - Reservar Mesa

5. Placas para foto – Noivos

Não são só os convidados que podem se divertir. Os recém-casados também gostam de tirar fotos descoladas, antes e durante o casamento. As plaquinhas divertidas para os noivos, em dois modelos diferentes, podem ser usadas tanto no dia do casamento, quanto nos ensaios e festa de noivado.

Para comprar o modelo 1, clique aqui.

Para comprar o modelo 2, clique aqui.

Plaquinhas para Casamento

Plaquinhas para Casamento6. Placa “Lá vem a noiva”

Se você ainda não conhece a placa “Lá vem a noiva”, deveria! – e nós falamos sobre ela aqui. Daminhas e pajens anunciam a entrada da noiva com uma plaquinha divertida, em uma das 10 diferentes linhas de produtos da Quem Casa Quer. Você pode escolher entre a placa tradicional, com a frase “Lá vem a noiva”, uma plaquinha mais completa, com uma frase no verso para o momento da saída do casal ou mesmo uma frase personalizada (essa opção está disponível em algumas das linhas de produtos).

Para comprar sua plaquinha “Lá vem a noiva”, clique aqui.

Plaquinhas para Casamento

7. Placas de banheiro

As placas de banheiro são bastante vendidas para aos casais que farão uma recepção para seus convidados. Elas servem para indicar aos convidados a entrada dos banheiros e se aquele é um banheiro Feminino ou Masculino. Essas plaquinhas para casamento também são vendidas de acordo com as linhas de produto da Quem Casa Quer.

Para escolher o modelo e encomendar seu par de placas de banheiro, clique aqui.

Plaquinhas para Banheiro

8. Placa de cadeira

Um charme exta ao casamento são as placas de cadeira. Além de reservar a mesa, o casal pode optar por reservar, também, as cadeiras, identificando-as com um par de plaquinhas que se complementam. “Enfim Casados”, “Amor Perfeito”, “Sr. E Sra.” ou, para os mais engraçadinhos “Game Over”, são algumas das opções disponíveis para o produto.

Compre as suas placas de cadeira, clicando aqui.

Plaquinhas para Casamento - Cadeiras

9. Placa hashtag Instagram

Um dos mais novos produtos da Quem Casa Quer, as plaquinhas Instagram farão seu casamento bombar nas redes sociais. Para ajudar o casal a encontrar as fotos que os convidados tiraram da cerimônia, uma boa ideia é criar uma hashtag e pedir para que eles a utilizem ao postarem nas redes sociais. Os cartões servem para informar os convidados da hashtag, de forma simples e decorativa.

Para comprar a sua placa hashtag Instagram, clique aqui.

Plaquinhas para Casamento

5 dicas para evitar golpes de profissionais de casamento

Chega a ser desesperador pensar em ter seu sonho de casamento destruído por um golpista, não é? A boa notícia é que encontrar profissionais de casamento honestos e de confiança é muito mais uma questão de sagacidade que sorte. Por isso, listamos 5 dicas para que você fique esperta e atenta às suas contratações e evite golpes.

Profissionais de Casamento

1. Não feche contrato sem antes pesquisar

Você pode ter se apaixonado pelo trabalho dele, mas, nesse caso, confiar exclusivamente em seus instintos, pode ser um grande erro. Golpistas são carismáticos, têm uma conversa envolvente e tentarão te induzir a fechar contrato com eles o quanto antes. Não se deixe levar por sua insistência e argumentos. Pense a respeite com calma, converse com outras pessoas e pesquise na internet sobre a empresa. Ela tem um site? Há quantos anos está no mercado? Disponibiliza fotos de eventos dos quais participou? Você encontrou depoimentos de outras noivas? Existem processos judiciais contra a empresa?

2. Desconfie de preços muito baixos

Acredite, o mercado de casamentos não faz caridade. Os custos são altos, a responsabilidade é enorme e os profissionais renomados sabem disso. Ao pesquisar, você perceberá que as empresas mais conhecidas cobram uma faixa de preço semelhante dentro de sua especialidade. Encontrar alguém destoando desse grupo por cobrar um valor acentuadamente menor, pode significar uma dessas 3 coisas: é um golpista, é um novato, é um milagre. O novato pode ser realmente incrível, mas “testá-lo” em seu casamento implicará um risco que você terá que considerar e assumir. E, quanto ao milagre, bem, quando algo parece bom demais para ser verdade, ele, provavelmente, não é.

3. Peça referências para noivas e profissionais

Se você participa de um grupo de noivas, aproveite para pedir a opinião delas sobre o profissional em questão. Encontrar avaliações e depoimentos positivos (de pessoas reais, fora do site ou das redes sociais da empresa) é realmente importante por gerar uma confiança muito maior. Outros profissionais do segmento também poderão ajudar com suas impressões, especialmente se forem tradicionais e antigos no mercado. Mas fique atenta e seja esperta ao filtrar informações. Não assuma que todo elogio ou reclamação sejam verdade absoluta – tem quem aumente muito a situação só para criar burburinho.

4. Tenha tudo documentado por escrito

Você até pode conversar com os profissionais de casamento por telefone ou whatsapp, mas sempre deixe decisões e acertos importantes documentados por e-mail – ou, de preferência, num parágrafo bem detalhadinho no contrato. Mesmo que a empresa tenha 50 anos no mercado, um fã-clube de noivas satisfeitas e o dono seja seu tio, isso deixará seu casamento mais organizado e te dará muito mais segurança e tranquilidade. Além disso, se a empresa não cumprir com o combinado e você decidir entrar na justiça, essas provas por escrito serão necessárias quando seu advogado for montar a ação.

5. Mantenha contato com frequência

Se o profissional de casamento for um golpista, esse item será mero paliativo, pois não vai te poupar o prejuízo, mas te ajudará a identificá-lo com maior antecedência – como no caso das noivas brasilienses, que, ao contatarem o decorar para acertar detalhes da festa, descobriram que ele tinha fechado as portas da empresa e viajado para Paris. Nunca situação muito pouco provável (assim esperamos) em que você seja vítima de um golpe, contatar a empresa com frequência (pessoalmente ou via assessoria) te ajudará a encontrar irregularidades e se antever, cancelando o contrato e substituindo a empresa por uma de confiança antes de seu casamento.


Veja alguns golpes recentes de empresas de casamento

Decorador dá golpe em 13 noivas e viaja para Paris

Noiva diz ter casamento destruído após golpe de cerimonialista

Noivas de Goiás – Golpe Buffet

Fotógrafo não aparece em vários casamentos

Noivas são vítimas de golpe de empresa de bolos e doces

Preparativos de Casamento: 5 sinais de que você está estressada demais

Sim, os preparativos de casamento podem ser muito estressantes. Mas, se lembre de que você vai passar vários meses planejando e apenas um dia casando: o caminho precisa ser prazeroso e agradável, senão sua jornada como noiva pode se tornar tensa e traumatizante.

Confira, abaixo, 5 sinais de que os preparativos de casamento estão te consumindo além da conta e de que está na hora de parar, respirar fundo e relaxar.

Preparativos de Casamento

1. Você tem ficado sem almoço

Abrir mão do seu horário de almoço para resolver problemas relativos ao casamento não fará bem a seu humor – e nem à estabilidade do seu peso no próximo ajuste do vestido. Pular refeições pode potencializar negativamente suas emoções e prejudicar sua tomada de decisões. Use esse tempo para descansar e se distrair, nem que isso custe, a seu celular, permanecer na gaveta do escritório.

2. Vocês nunca brigaram tanto

Se os preparativos de casamento têm dividido opiniões a ponto de gerar atritos maiores que leves discordâncias, vá com calma. É normal haver desentendimentos nesse período, mas não deixe que brigas desnecessárias ou facilmente evitáveis diminuam a beleza do relacionamento de vocês. Conversem, ponderem e não percam o foco: o casamento será a celebração do amor de um pelo outro.

Preparativos de Casamento3

3. Você tem questionado suas decisões

O estresse pode te deixar bastante insegura e desorientada, tanto em relação a decisões que precisa tomar, quanto em relação ao que já ficou decidido. Se isso estiver acontecendo, tire um final de semana de folga, sem pesquisar, calcular ou debater sobre o assunto. Passar alguns dias sem pensar em buffet, decoração e lembrancinhas vai te fazer muito bem.

4. Você tem adiado decisões fundamentais

Preste atenção nesse item, pois, se você tem começado a negligenciar tarefas importantes, muito provavelmente está mais estressada do que imagina. Para retornar à ativa, procure atividades prazerosas, como criar a lista de músicas da festa, procurar ideias criativas na web ou agendar uma degustação com seu noivo em um de seus buffets preferidos.

Preparativos de Casamento

5. Você não está mais se divertindo

Tudo culmina para esse último item. Se uma atividade que antes te dava prazer agora parece ter se tornado um fardo, algo precisa mudar. Seja positiva e bem humorada, foque no que te deixa feliz. Lembre-se de quanto ama seu noivo e qual o real propósito de tudo isso. Em breve, você estará casada e esse será o melhor dia da sua vida. Aproveite o caminho!

Destination Wedding: Casando Fora de Casa

Casamento tradicional, mini wedding, destination wedding…  Cada ano que passa, aumentam as possibilidades para os casais que estão planejando o casamento. Algumas mais econômicas e outras mais caras, umas mais descoladas e outras mais tradicionais, mas não importa: a novidade sempre vai chamar a atenção daqueles casais que querem criar um dia muito especial.

Atualmente, o queridinho de muitas noivas tem sido o destination wedding, principalmente com a possibilidade de reduzir os custos e ter uma cerimônia mais intimista.

Destination WeddingFoto: Viera Photographics

Significado de Destination Wedding

Traduzindo livremente, destination wedding significa casamento com destino. Na concepção, esse tipo de casamento deve ser uma experiência da cultura local, inclusive com passeios e comida tradicional. Já na prática, isso significa que o casamento será realizado em um local que não a cidade de residência dos noivos.

Para alguns, pode parecer um aumento nos gastos e um desgaste desnecessário para os convidados. Para outros, é a solução de diversos problemas: ter a presença apenas dos convidados que realmente importam, diminuição em gastos pontuais e mais tempo para aproveitar a comemoração.

Destination WeddingFoto: Viera Photographics

Organizando seu Destination Wedding

Organizar um casamento fora do local onde vocês residem (principalmente se for um casamento internacional) vai demandar tempo e conhecimento. Grande parte dos destination weddings são realizados em cidades turísticas, cheias de belezas naturais e/ou monumentos históricos e, se vocês não souberem procurar pelos melhores locais, podem acabar com um casamento caro e desajeitado.

Esse tipo de casamento não comporta muito bem a ideia do DIY (do it yourself, do inglês “faça você mesmo”) no que diz respeito aos planejamentos. Existem empresas especializadas em organizar casamentos em diversos lugares do mundo, que entram em contato com fornecedores, reservam hotéis e até mesmo fretam aviões para transporte dos convidados.

Destination Wedding

Nacional ou internacional?

Decididos por realizar o casamento em um cenário novo, os casais precisam decidir, ainda, se realizarão o casamento dentro ou fora do país.

Os principais fatores a serem considerados são o orçamento, a disponibilidade de vocês (e de seus convidados) e encontrar um profissional que seja capaz de ficar encarregado de entrar em contato com os fornecedores e ajudá-los a tomar as decisões pertinentes.

Destination Wedding

Além disso, é preciso ficar atento a dois pontos específicos. O primeiro deles são os costumes e tradições: no Brasil, os casamentos têm docinhos, bolo e lembrancinhas, itens que não fazem parte da tradição de outros países (ainda mais se pensarmos em docinhos que são legitimamente brasileiros, como os brigadeiros). O segundo é que, em geral, os hotéis no exterior oferecem o serviço completo, enquanto no Brasil a grande maioria ainda aluga apenas o espaço, possibilitando que o casal contrate (e leve) os serviços e profissionais de sua escolha.

É bom lembrar que as cerimônias realizadas fora do país, em geral, são cerimônias simbólicas. O casal realiza o casamento civil aqui no Brasil e, no exterior, faz uma cerimônia simbólica com um celebrante, muitas vezes fornecido pelo local.

Destination WeddingFoto: Viera Photographics

Gastos e convidados

Uma das grandes preocupações de casais que se sentem atraídos pela ideia de realizar um destination wedding são os gastos. Assim como em um casamento tradicional, o casal fica responsável por pagar o que será servido para os convidados (e eventuais mimos com os quais decidam presenteá-los).

Da mesma forma, como em um casamento tradicional, os convidados ficam responsáveis pelo transporte ao local e hospedagem. A diferença é que, como a grande maioria dos destination weddings são realizados em resorts e hotéis, o casal costuma fechar o local exclusivamente para o evento, o que pode diminuir o valor a ser pago pela hospedagem.

Destination WeddingFoto: Viera Photographics

Confira abaixo algumas dicas de Gerlane Linhares, agente de viagens da Cays Turismo, localizada em Brasília e especializada em lua de mel e destination wedding.

Destination Wedding