Padrinhos de casamento: como organizar um cortejo diferente?

Foi-se o tempo em que os padrinhos de casamento tinham, necessariamente, que ser casais; ou mesmo que os noivos precisavam pensar em como combinar padrinhos e madrinhas, para formar “pares”.

Até mesmo algumas igrejas já não fazem objeções em relação ao gênero dos padrinhos, mas é sempre bom verificar, previamente, para evitar qualquer problema. Ah, vale lembrar que não estamos falando (ainda!) sobre casais do mesmo sexo, apenas da escolha de um número maior de padrinhos de casamento (ou madrinhas) modificando a configuração habitual da entrada deles.

Padrinhos de Casamento

Muitas vezes, porém, o problema não está em escolher as pessoas que ocuparão esse espaço importante no dia de vocês, mas em como organizá-las para o cortejo.

Entrada dos Padrinhos de Casamento

Solução drástica?

Há quem apresente uma solução prática para isso: evite o cortejo. Ao invés de realizar a entrada dos padrinhos pelo corredor central, como parte da entrada do casamento, eles assumiriam as posições de honra, próximos ao casal, pelas laterais e já estariam posicionados lá aguardando a entrada da noiva.

Padrinhos de Casamento

Por melhor que possa parecer tal sugestão, existe um grande número de noivas que faz, sim, questão de todos os menores detalhes de uma cerimônia. E isso não quer dizer que você precisa desistir de convidar aquelas amigas que ficariam sem par (melhor: não significa que você precisa convidar alguém que não é tão importante para vocês, só para ocupar espaço).

Padrinhos de Casamento

Questão de criatividade

Uma opção é seguir a tradição americana em que os padrinhos de casamento e madrinhas entram, um por um, e depois se posicionam ao lado da noiva (as madrinhas) e do noivo (os padrinhos). O posicionamento, na verdade, só diz respeito a uma questão estética que, no fim das contas, não é tão importante assim.

Outra opção é colocar, sim, pessoas do mesmo sexo entrando juntas. Elas podem entrar segurando algo, como buquês em miniatura ou bonequinhos de santos, ou apenas caminhar até o local da celebração lado a lado.

Padrinhos de CasamentoVocês podem, também, intercalar quem vai entrar, dependendo das quantidades. Se vocês, por exemplo, terão um cortejo de 10 pessoas, sendo 6 mulheres e 4 homens, vocês podem organizar de modo que entre um homem seguido de duas mulheres, seguidas de um homem, seguido de duas mulheres, seguidas de um homem, seguidas de duas mulheres e, por fim, seguidas de um homem.

Casais do mesmo sexo

E quando a questão não é somente sobre o gênero, mas sobre a sexualidade? Alguns casais ficam preocupados na hora de convidar casais do mesmo sexo para serem padrinhos de casamento ou madrinhas e existem alguns pontos a serem considerados.

O primeiro deles é que vocês, enquanto casal, sabem melhor do que ninguém o que vocês querem para a cerimônia e o dia especial de vocês. Não importa o que as outras pessoas vão resolver falar, fazer ou acontecer.

Madrinhas de Casamento

Claro, no caso de cerimônias religiosas, você precisa checar antecipadamente com o celebrante se há algum problema com relação a isso. Em alguns casos, pode não ter nenhum problema ou no máximo um pedido para que o casal não entre de mãos dadas.

O segundo ponto é saber se o casal em questão está disposto a passar por tal exposição. Algumas pessoas (a grande maioria, na verdade) não gostam de ser expostas, ainda mais quando se trata de uma situação propícia a muitos julgamentos. Se vocês e o casal estiverem confortáveis com isso, não há motivos para maiores preocupações.

Terceiro, e último, ponto: a importância dessas pessoas para o casamento de vocês muito possivelmente é bem maior do que qualquer outra confusão. Desde que todos estejam confortáveis e de acordo com os pormenores, tudo que vocês precisam fazer é celebrar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *